O Poder da Comunicação em Tempos de Crise

Capa Poder Da Com

No ‘novo normal’ em que estamos vivendo, a colaboração e o suporte vêm em primeiro lugar. As organizações devem estar prontas para avançar e desempenhar um papel importante: recuperar a confiança das pessoas nas marcas e na vida. Não é à toa que tem sido possível, cada vez mais, testemunhar várias instituições atuando como agentes de mudança, ajudando as suas comunidades, colaborando com o seu setor e, até mesmo, fazendo alianças com os concorrentes para serem mais fortes nesses tempos difíceis. Mas isso acontece, geralmente, quando tais empresas são assessoradas e têm uma estratégia de comunicação muito bem definida.

Vania“Se essa atuação for verdadeira e estiver conectada com a essência da marca, ela será lembrada por todos por muito tempo, e terá construído uma conexão emocional e uma relação de confiança duradoura com seus consumidores”, explica Vânia Gracio, Founder e CEO da Sing Comunicação. Fundada há 16 anos, a Sing acredita no poder da comunicação corporativa para contar histórias que humanizam as marcas, constroem reputação e geram não apenas engajamento, como também conexões.

 

Transformação em Curso

 

Com o crescimento das redes sociais e as pessoas mais conscientes do seu papel de agente de mudança na sociedade, muitas empresas começaram a enxergar a necessidade de cuidar da comunicação pela dor. Como toda pessoa é um potencial influenciador, inúmeras marcas se viram envolvidas em crises geradas na internet por não saberem o que fazer diante de uma crítica ou por responderem sem pensar nas consequências de determinado posicionamento.

“Por outro lado, a pandemia fez com que as marcas passassem a se voltar para os relacionamentos próximos e verdadeiros, baseados em uma comunicação mais emocional. Da mesma forma que a crise está sendo a propulsora da Transformação Digital de muitas empresas, também está ajudando a conscientizar a importância da comunicação como uma ferramenta de transparência e aproximação”.

 

“A pandemia fez com que as marcas passassem a se voltar para os relacionamentos próximos e verdadeiros, baseados em uma comunicação mais emocional”

 

Powered by Woman

 

PoweredA Sing Comunicação é uma empresa liderada por mulheres e, sim, é um diferencial e tanto para os seus clientes. Para Vânia, o grande desafio das marcas e da vida, em geral, é saber ouvir. “Esse é um dom muito feminino. Mulheres são boas ouvintes, observadoras, analíticas, engajadas, multitarefas, super focadas quando necessário, que acreditam e valorizam relacionamentos”. Segundo a executiva, essas são qualidades essenciais ao trabalho de comunicação, seja na definição da estratégia de uma marca, na condução dos negócios da agência, na gestão de pessoas, da equipe, dos clientes, dos parceiros.

As conquistas recentes traduzem esse conceito: em 2020, pela primeira vez em sua trajetória, a Sing conquistou a certificação Great Place to Work. “Ao longo dos anos, passamos por transformações e estamos vivendo a atual, o que não muda é o nosso modelo de negócios: ser uma agência de PR boutique, com capacidade para conhecer em profundidade os segmentos de atuação dos nossos clientes e, assim, aliar a expertise em comunicação e criatividade, criar estratégias de comunicação personalizadas para o que cada marca precisa”.

Conversation

Segundo Vânia, o papel da Sing Comunicação é entender a necessidade da marca e recomendar o que for mais adequado para atingir os seus objetivos de negócios. “Podemos atender empresas de diferentes tamanhos e segmentos, mas temos uma paixão especial por empresas da nova economia. Por conta disso, a inovação está presente em todos os nossos clientes atuais”, explica, mencionando alguns dos inúmeros clientes: Acer, NVDIA, LogMeIn, Zoom, Buscapé, Tata Consultancy Services, entre tantas outras.

Thiago Flores“A Sing é nossa parceira desde 2011. De lá para cá, esteve presente em toda a nossa história e foi muito importante para o crescimento da empresa. Ajudou em toda a construção com pautas estratégicas e em grandes veículos. O tamanho e valor que a marca Zoom alcançou tem muito mérito da Sing também”, afirmou Thiago Flores, CEO do Zoom & Buscapé.

.

“O tamanho e valor que a marca Zoom alcançou tem muito mérito da Sing”

 

 

Comunicação Não é Commodity!

 

Agencia

Não é exagero afirmar que, quando comparado a outros investimentos do mix de marketing, a comunicação corporativa é a mais acessível, financeiramente falando, além de proporcionar resultados duradouros, já que reputação gera confiança. Portanto, isso não é um privilégio exclusivo das grandes corporações. Da mesma forma que existem empresas PME, também existem agências de diversos tamanhos. “O importante é não se guiar somente pelo preço; comunicação não é commodity. Para dar resultado é preciso entender com quem a marca quer falar, qual o momento ideal, o tom, quais benefícios oferecer”.

É possível contratar uma agência e ter uma ação por mês, de forma contínua, pensada e estruturada para construir relacionamentos, seja com a imprensa, um influenciador ou qualquer outro público. “Com base na nossa experiência atual, ficamos felizes de constatar que as marcas já estão entendendo o poder e a importância da comunicação como um todo”.

Para saber mais sobre a Sing, acesse aqui. Para receber a Daily News Summary, um resumo das notícias sobre o impacto da pandemia na vida e nos negócios no País, solicite sua inclusão para contato@singcomunica.com.br.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Compartilhar